Todo Champagne é espumante, mas nem todo espumante é champagne…

Champagne é uma bebida maravilhosa para celebrar momentos inesquecíveis e felizes com a família e amigos, mas também uma charmosa região ao norte da França, que fica a 150 quilômetros de Paris.

Dom Périgon, um monge beneditino responsável por uma adega da região, ficou curioso quando alguns vinicultores afirmavam  que ocorria uma segunda fermentação dentro das garrafas em alguns tipos vinhos, chegando até a arrebentar os recipientes.

Com garrafas mais fortes e rolhas amarradas com arames, Périgon conseguiu obter a segunda fermentação dentro das garrafas — e assim surgiu o nosso conhecido vinho espumante, nomeado de Champagne.

A bebida não tinha uma aparência agradável porque existiam resíduos da segunda fermentação na garrafa, problema solucionado mais tarde por Clicquot, que desenvolveu um método para deixar a bebida mais límpida.

Apenas as bebidas produzidas na região de Champagne podem ser assim denominadas, a palavra é uma AOC (Appellation d’origine contrôlée ou melhor dizendo, denominação de origem controlada) desde 1927. Os vinhos originais são produzidos em Reims e Epernay (em Champagne), seguindo uma legislação . Ainda assim, alguns produtores brasileiros conseguiram, por determinação do Superior Tribunal Federal, utilizar a denominação champanhe em seus rótulos, mesmo sem serem produzidos na tal região francesa.

Assim como na França, alguns outros países adotam a mesma medida. Na Itália temos o Prosecco. Já na Espanha o nome do espumante local é Cava, podendo ser produzido em oito regiões.

Os Estados Unidos usam em seus rótulos champagne ou american champagne, assim travando uma guerra com a Champagne Bureau, a associação responsável por zelar pela denominação.

São muitos nomes e muitos tipos de uvas cultivadas em diferentes partes do mundo. Contudo, o mais importante é que temos uma rica variedade de vinhos para experimentar e apreciarmos com moderação.

Certamente quem visitar a França e for admirador de Champagne, deve acrescentar em seu roteiro visitas às famosas produtoras da bebida como Moet&Chandon, Perrier Joeut, Veuve Clicquot, Mumm entres outras.

Pensando em ter aulas de francês? Vem pra Advance e estude com aulas particulares. Curta nossa página no Facebook e fique ligado nas novidades.

 

0 respostas

Deixe uma resposta


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *